Matou PM em Apucarana, fugiu da cadeia e foi morto pela PM em São Paulo

26 de setembro de 2013 5:36Comentários desativados

TN

foto_37097_300,250,indexO criminoso Wellington Ribeiro, de 22 anos, que matou a tiros o policial militar de Apucarana Antonio Ricardo do Prado, em um posto de combustíveis na saída de Maringá para Campo Mourão, ainda no ano 2010, trocou tiros com a Polícia de Sorocaba, no interior de São Paulo e foi morto. A informação foi confirmada pela polícia nesta terça-feira (24).

Seguindo a sua sina de criminoso, Ribeiro foi praticar mais um roubo quando se deparou com policiais militares e atirou contra eles. O ladrão foi alvejado por vários projéteis de arma de fogo e morreu no local.

Wellington Ribeirofoi preso poucos dias após matar o PM quando o mesmo estava de folga e tinha ido para Maringá, mas conseguiu fugir da prisão. 

Apesar da pouca idade, o assaltante contava com várias passagens pela polícia. Ele era especialista em praticar roubos contra postos de combustíveis. 

O corpo do bandido foi reconhecido formalmente por familiares nesta terça-feira (24), no Instituto Médico Legal (IML) de Sorocaba.

 

Facebook - Comente a notícia